Habilidades em gestão e plano de negócios são algumas dicas para quem quer ser bem-sucedido. Confira informações fundamentais para abrir o seu próprio negócio.

Antigamente, quando se falava em empreendedorismo, as pessoas automaticamente pensavam nos profissionais formados em Administração. Entretanto, hoje em dia, é muito comum encontrar empreendedores com diferentes formações.

Isso porque é possível abrir uma empresa na sua área de atuação, investindo em um nicho em que você é especialista e levando soluções para as pessoas. No entanto, para ser um empreendedor de sucesso, é necessário desenvolver algumas habilidades.

Por isso, separamos cinco dicas para contadores que querem abrir o próprio negócio. Confira, a seguir.

1. Faça um plano de negócio

A primeira ação que deve ser feita é um plano de negócios detalhado e bem estruturado. Veja alguns pontos que devem ser considerados: parceiros, atividades-chave, recursos-chave, canais de venda, relacionamento com o cliente, estrutura de custos e fontes de receita.

Desse modo, será possível observar o quanto de dinheiro é necessário investir, fazer previsões em relação aos retornos financeiros e desenhar estratégias para conquistar clientes.

2. Desenvolva habilidades de gestão

Muitas vezes, o contador possui um grande conhecimento e expertise na sua área de atuação, mas não tem habilidades de gestão. Ao abrir um negócio, será necessário gerir o empreendimento e os colaboradores. Por isso, faça cursos e trabalhe diferentes competências.

Veja em quais pontos investir: liderança, gestão do tempo, comunicação efetiva, habilidades de negociação, visão de negócio, pensamentos analíticos e estratégicos. Vale lembrar que muitas dessas habilidades não são trabalhadas durante a graduação, por isso é necessário investir nelas.

3. Ofereça serviços personalizados

O que te diferencia do seu concorrente? Esta é uma pergunta que deve estar sempre presente no dia a dia do empreendedor. Isso porque, apesar de existir um grande espaço para explorar na área de empreendedorismo contábil, ainda é preciso se destacar.

Se você oferece as mesmas tarefas que os outros escritórios, por que o cliente deveria te escolher? Aposte em serviços personalizados e completos, analise o que as outras empresas estão fazendo e busque fazer mais. Oferecer consultoria é um bom caminho, por exemplo.

4. Aposte em tecnologia

A tecnologia proporciona ferramentas que auxiliam o dia a dia no trabalho. Os softwares, as ferramentas e as plataformas de gestão tanto financeira, quanto contábil, permitem a automação das tarefas diárias. Dessa forma, é possível escalar esse tipo de serviço e atender mais clientes.

Com essas ferramentas, os colaboradores gastam menos tempo em tarefas rotineiras, que não exigem um raciocínio elaborado, e podem focar no que realmente importa: inovação no atendimento e na personalização. Portanto, é importante que o empreendedor e a equipe conheçam as plataformas e saibam usá-las de maneira efetiva.

5. Use o marketing digital como aliado

O seu trabalho precisa chegar até às pessoas, e uma forma de fazer isso é por meio do marketing digital. Nele, as estratégias são focadas em um público específico, e é possível criar um plano de ação segmentado, atingindo diretamente os seus clientes em potencial.

Entre as estratégias de marketing digital, é uma boa ideia investir no marketing de conteúdo. Por meio dele, você trabalha a imagem da sua empresa e se coloca como um especialista no assunto. Assim, o seu negócio ganha valor no mercado. Além disso, o recurso também pode ser usado para a conversão em vendas.

Empreender é assumir riscos

Agora que você já sabe essas cinco dicas para começar o seu negócio, é importante destacar que, para ser bem-sucedido no mundo de empreendedorismo, é necessário assumir riscos.

Eles podem ser calculados, claro: não há necessidade em dar um pulo no escuro. Entretanto, lembre-se que é quem faz tudo de maneira diferente e pensa fora da caixa que tem sucesso. Então, acompanhe as mudanças no mercado e não tenha medo de arriscar uma nova forma de produção.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

O que você achou? Comente