eletricista evitar acidentes img1

Hoje, qualquer ambiente ou local de trabalho não funciona sem eletricidade. É raro encontrarmos qualquer ambiente que não utiliza das vantagens da corrente elétrica seja o ambiente uma casa, escritório, empresa ou comércio.

No entanto essa corrente elétrica em equipamentos elétricos, desde computadores a máquinas de comandos elétricos, podem ser potencialmente perigosas e podem causar acidentes elétricos e queimaduras se usados ​​ou mantidos de maneira inadequada.

Portanto, lesões elétricas são uma ameaça real para qualquer instalador elétrico e todos os sistemas usados têm o potencial de causar danos graves, especialmente se manuseados de maneira inadequada.

Sendo assim, é de extrema importância seguir as práticas de trabalho relacionadas à segurança elétrica para manter a si mesmo e aos outros seguros e por causa disso reunimos algumas dicas de segurança na área da elétrica para ajudá-lo a minimizar os riscos de acidentes elétricos durante seu trabalho.

 

Tenha conhecimento das normas

eletricista evitar acidentes img2

Qualquer profissional que preste um serviço de projeto, instalação ou manutenção elétrica deve seguir as normas.

Segundo o código de defesa do consumidor, caso uma instalação apresente problemas ou ocorra um acidente por não cumprimento de normas, o profissional pode ser penalizado judicialmente.

Então seguir as normas é de extrema importância e a primeira que o profissional deve conhecer é a NBR5410 – Eletricidade em baixa tensão.

Ela dita todas as regras para que as instalações elétricas em baixa tensão (como em casas e pequenos prédios) possam funcionar corretamente e ser seguras.

A segunda norma que o eletricista deve conhecer é a NR10 – Segurança em instalações e serviços em eletricidade.

A norma regulamentadora 10 trata especificamente da segurança nas instalações elétricas. O objetivo dela é prevenir e garantir que não haja acidentes em nenhuma das etapas de trabalho em eletricidade.

A terceira norma que o profissional deve tomar conhecimento é a norma de instalação da concessionária local. Cada região do Brasil tem características variadas do sistema elétrico. Como por exemplo, estados diferentes podem ter níveis de tensões diferentes.

Por isso as concessionárias tem normas para as conexões das instalações elétricas. Então, saber identificar qual norma é vigente no estado do profissional é de extrema importância.

 

Faça treinamentos

eletricista evitar acidentes img3

Quais são os principais treinamentos para se tornar um eletricista autônomo? Para responder a essa pergunta é importante saber direcionar, neste primeiro momento, qual será a área de atuação principal do profissional.

Se o setor escolhido for o de instalações prediais e residenciais, então veja este guia completo sobre Cursos de Eletricista no Senai, que também conta com uma seleção dos melhores cursos online, gratuitos e pagos.

Agora, caso o profissional opte por fazer manutenções ou instalações de equipamentos eletrônicos (como ar condicionado e interfones) então o mais indicado é se aprofundar em placas de circuito, soldagem e componentes elétricos em um Curso de Eletrônica. Este também é um guia completo de qual curso pago ou gratuito escolher e se especializar.

Sendo assim, a partir do momento em que o profissional sabe qual será o direcionamento das atividades, aí sim é recomendado fazer uma capacitação técnica de forma a conhecer tudo daquela área e minimizar as chances de acontecer um acidente elétrico no trabalho.

 

Uso de EPI's adequados

eletricista evitar acidentes img4

Dentre todos os EPI’s da área da elétrica, os mais básicos em uma instalação são os seguintes:

· Roupa protetora de algodão com mangas compridas

· Capacete normal ou a prova de choque

· Óculos de proteção para os olhos

· Luvas (couro ou borracha)

· Protetores auditivos

· Calçado de segurança

Normalmente, os capacetes só precisam ser usados ​​ao trabalhar em aparelhagens externas, onde servem para proteger contra a queda de objetos e colisões na altura da cabeça.

Subestações externas devem sempre ser consideradas áreas de 'capacete de segurança' e o uso de capacete é obrigatório. Os protetores auditivos só são necessários em situações de ruído, que podem ocorrer durante as obras.

Deve-se usar proteção ocular ao trabalhar com fluidos perigosos, particularmente óleo mineral, para evitar respingos nos olhos. Eles sempre devem ser usados ​​ao lavar as peças internas dos disjuntores de óleo.

Calçados de segurança devem ser usados ​​rotineiramente em todas as áreas de trabalho e os sapatos ou botas devem incorporar biqueira de aço e sola antiderrapante.

Trabalhos específicos requerem equipamentos de proteção específicos.

 

Faça sua parte

eletricista evitar acidentes img5

Fique atento durante o trabalho como eletricista e coloque em prática tudo o que aprendeu nessas dicas que reunimos aqui neste guia.

Além disso é importante que você busque conhecimentos sobre a segurança elétrica e sempre se aperfeiçoe em cursos presenciais ou online e em materiais da internet.

O treinamento adequado desempenha um papel crucial para evitar acidentes elétricos no trabalho e felizmente, a maioria dos riscos elétricos pode ser facilmente evitada e controlada com um pouco de cuidado e verificações regulares.

 

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente