A direção da empresa planeja uma seleção de pessoas jurídicas para "a execução de obras e serviços de recuperação estrutural do cais e dolfins existentes, contenção de talude, instalação de passarelas metálicas e construção de um dolfim de amarração, na Ilha Barnabé" e também para "assessoria técnica à fiscalização no gerenciamento e acompanhamento da qualidade" dessas mesmas obras

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

A diversificação das cargas movimentadas em Natal e a construção de um retroporo com integração rodo-ferroviária estão entre os principais desafios do almirante de esquadra Elis Treidler Öberg, nomeado para o comando da Companhia em fevereiro deste ano, como parte da estratégia do Ministério da Infraestrutura em selecionar profissionais aptos para "coordenar pessoas na execução de projetos complexos"

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

A Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ) abriu, por meio de pregão, licitação para a contratação de serviço de "prestação de serviços de vigilância armada", embora a empresa conte com funcionários efetivos, como guardas portuários, qualificados para a função. Consultada pelo Portogente, a assessoria de comunicação da Docas do Rio alegou que a iniciativa tem como objetivo garantir a "segurança em áreas da CDRJ localizadas fora dos portos organizados como o edifício-sede da Companhia"

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

Diante das eternas promessas de que as companhias docas brasileiras serão geridas por profssionais de alto gabarito, causa espanto o teor da ata da 1918ª reunião da diretoria executiva da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) indicando para o cargo comissionado de gerente de Contratos de Arrendamento uma pessoa, de acordo com o próprio documento, que não detém "integralmente os requisitos necessários" para exercer a função

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

A matriz de transportes insustentável para uma nação de dimensões continentais e os elevados custos para a movimentação de veículos e insumos são os principais gargalos logísticos para a operação da Movida, observou diretor executivo de Gestão de Receita e Frota, Rafael Peon Tamanini, em entrevista ao Portogente

0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente