Acessos

Rodoviário: pela rodovia estadual PE-060, que encontra a federal BR-101 no município do Cabo (PE), e da AL-101, na divisa dos estados de Pernambuco e Alagoas.

Ferroviário: por um ramal de 23km da Companhia Ferroviária do Nordeste, malha nordeste, integrado às linhas da antiga Superintendência Regional Recife (SR 1), da Rede Ferroviária Federal S.A. (RFFSA).

Marítimo: a entrada do porto, com 580m de largura e profundidade de 14m, está compreendida entre o farol da ponta do molhe de proteção e a bóia de balizamento. Não existe canal de acesso, havendo somente uma orientação para a navegação, representada por uma linha reta, na direção nordeste/sudoeste, passando pela extremidade do molhe.

Instalações

Um cais acostável (industrial) com dois berços para múltiplos usos, uma plataforma de 343m de extensão e 39m de largura, e profundidades, no lado leste, de 15m, e no oeste, de 10m. Conta, ainda, com um píer de dois berços, para granéis líquidos, de 84m de comprimento e 25m de largura e profundidade de 12m em ambos os lados, além de uma rampa para operações ro-ro com 15m de profundidade.

A armazenagem junto ao cais industrial consiste em dois pátios cobertos destinados a contêineres, de área total 25.000m2, para 1.642TEU.

De uso particular existem dois armazéns de carga geral – um deles com quatro câmaras frigoríficas – somando 3.533m2 com 3.200t de capacidade, um pátio de contêineres de 14.000m2, para 1.400TEU, e 45 tanques (Tequimar, Petrobrás e Sanbra) de derivados de petróleo, produtos químicos e óleo de soja, totalizando 161.000t.

 

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente