A dupla cidadania italiana é um dos sonhos de boa parte dos brasileiros que possuem descendência. Mas a sua obtenção ainda é cercada de muitas dúvidas que, muitas vezes, são os gatilhos para que muitos desistam de realizar este sonho. Por isso o Ebook Cidadania Italiana foi criado.

Ele será um manual para que todos os descendentes e outros cidadãos que possuem o direito à cidadania, possam entender os processos e verificar quais são os passos principais para a aquisição.

O presente artigo irá detalhar alguns passos necessários para a busca da cidadania, mostrando um pouco mais sobre o que será encontrado no ebook cidadania italiana.

Quem tem direito à cidadania italiana?

Entender se você tem direito à cidadania italiana será o primeiro passo de todo o processo. Pois muitos brasileiros pensam que basta carregar o sobrenome italiano, que o direito já pode ser concedido.

Esta última afirmação, de uma forma geral, até pode ser uma verdade, porém, as outras etapas burocráticas do processo serão as que irão definir se realmente a dupla cidadania poderá ser concedida.

Pois além de ser descendente de italiano, o brasileiro deverá reunir provas concretas de que essa afirmação seja verdadeira. Então, alguns documentos e certidões serão exigidas para que o consulado realize uma análise.

Lembrando que deverá ocorrer também a tradução dos documentos. Por esse motivo é que a contratação de uma empresa especializada em Cidadania Italiana, é sempre recomendada.

Veja agora a lista de certidões básicas que o consulado italiano irá exigir do descendente de italiano:

  1. Certidões de nascimento;
  2. Certidões de casamento;
  3. Certidões de óbito;
  4. Certidão de naturalização (somente para o ascendente italiano).

De uma forma geral, o Consulado Italiano costuma exigir estes documentos apenas do cidadão descendente. Entretanto, é bom ficar atento às exceções, pois em alguns casos, os documentos dos cônjuges poderão ser solicitados.

Quais são os principais tipos?

A cidadania italiana pode ser obtida tanto no Brasil quanto na Itália. A diferença está nos processos burocráticos, no preço e também no tempo de aprovação.

No Brasil, os preços e a burocracia costumam ser menores, mas o tempo de aprovação é longo. Na Itália acontece o inverso, então os preços e as etapas burocráticas serão maiores, porém o prazo para a aprovação é menor.

É muito importante o cidadão ficar atento aos golpes e fraudes que costumam ser aplicados tanto no Brasil quanto na Itália. Mais um motivo para que o Ebook Cidadania Italiana seja lido.

Existem alguns tipos de cidadania italiana. Veja as principais:

· Jus Sanguinis

Este é o mais conhecido de todos. Jus Sanguinis carrega o significado de “Direito de Sangue”, abrindo caminhos para que a sua interpretação seja feita. Ele é o princípio básico para que um cidadão brasileiro possa obter a cidadania.

Todas as pessoas brasileiras que possuem um ascendente italiano, poderão ter o direito à cidadania. Mas é importante lembrar que será necessário a comprovação por meio de documentos e certidões.

· Via Matrimônio

Quem não possui ascendente italiano também pode conseguir a cidadania através do matrimônio. Então se uma pessoa brasileira se casa com um italiano ou italiana, o direito poderá ser concedido.

Porém, assim como os demais tipos, também existem algumas regras. Se o casamento for feito no Brasil e o casal ainda não possui filhos, o tempo para a aquisição da cidadania será de três anos. Se eles tiverem filhos, o tempo será reduzido para um ano.

Quando o casamento for realizado na Itália e o casal ainda não possui filhos, o tempo de espera será de dois anos. Porém, se eles já tiverem filhos, o prazo será reduzido para um ano.

Lembrando que o brasileiro ou brasileira que estiver casando, deverá passar no teste de proficiência do idioma e ter o nível B1 de italiano. A regra vale para casais heterossexuais e homoafetivos.

· Ius Solis

Ius Solis significa “Direito de solo”, então todo cidadão que tiver nascido em solo italiano, também terá o direito à cidadania italiana. Essa regra foi criada devido aos processos de migrações que ocorreram durante a história.

Quais são os passos básicos para a obtenção

Como apresentado, os passos podem ser realizados tanto na Itália quanto no Brasil e existem algumas diferenças. Veja os detalhes:

Brasil

No Brasil, basicamente o cidadão deverá encontrar o Consulado Italiano mais próximo e dar entrada no processo. Será preenchido um requerimento e então deve-se esperar até que seja chamado para a entrega da documentação.

É importante que os documentos já estejam preparados com antecedência, para que não haja problema na hora da entrega. Quando chegar o momento, eles deverão ser levados ao Consulado para que a análise seja feita.

Tendo a aprovação, que pode demorar cerca de 730 dias, basta agendar a emissão do passaporte italiano. É claro que pode acontecer imprevistos, por isso é sempre bom estar preparado e resguardado através de uma empresa especializada.

Itália

Na Itália o processo muda um pouco, porque será necessário viajar até o país. Mas antes da viagem, é importante que todos os documentos estejam em ordem e analisados por um especialista.

Chegando na Itália, o primeiro passo é procurar uma residência, para que o documento de comprovação seja emitido. Feito isso, um oficial irá realizar uma visita para verificar se o endereço residencial é o mesmo apresentado nos documentos.

Agora chegou a hora da entrega dos documentos para o Ufficio dello stato civile. Eles irão analisar e emitir a certidão de não renúncia, comprovando que o ascendente não renunciou a cidadania italiana no passado.

O passo final é esperar a emissão dos documentos italianos, onde o passaporte só será emitido com a carteira de identidade italiana em mãos.

Onde encontrar o Ebook Cidadania Italiana

Os passos e detalhes apresentados são apenas uma base de todo o processo e etapas que a obtenção da cidadania italiana irá exigir.

Então, para que não exista mais dúvidas e tudo seja feito de forma correta e assertiva, basta realizar o Download Gratuito Ebook Cidadania Italiana. Lá você poderá tirar todas as dúvidas, aproximando ainda mais da realização do sonho de ter a sua cidadania reconhecida.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

*Todo o conteúdo contido neste artigo é de responsabilidade de seu autor, não passa por filtros e não reflete necessariamente a posição editorial do Portogente.

O que você achou? Comente