Cargon faz identificação de motoristas e suas respectivas habilitações a fim de evitar fraudes e roubos por falsos transportadores

Essencial para o funcionamento de diversos mercados, o setor de logística tem um desafio constante: o gerenciamento de cargas de forma prática, rápida e segura. Pensando em suprir esta demanda, a startup Cargon começou a implementar soluções que aprimorem os processos entre as transportadoras e os seus clientes. A partir da utilização de Inteligência Artificial da Microsoft para identificação e verificação de motoristas, a companhia consegue assegurar o transporte terrestre seguro e reduzir a possibilidade de roubos.

600 IA 21AGO2019

A tecnologia foi implementada à plataforma da Cargon que já fazia toda a gestão entre os agentes logísticos por meio do Power BI, ferramenta de análise de dados da Microsoft, e do armazenamento em Azure. Assim, a startup permite o agendamento de carga para um veículo específico, rastreio e monitoramento dos itens, bem como a predição do momento de chegada ao local de destino e qual é a probabilidade de atraso na entrega.

De acordo com Denny Mews, CEO e fundador da companhia, a plataforma já possuía um sistema de ranqueamento dos motoristas com base nas informações de comportamento no trânsito (velocidade, tempo de trajeto, aceleração etc), a fim de trazer mais confiabilidade aos clientes que necessitam agendar profissionais para fazer o deslocamento de seus produtos. “A partir da IA da Microsoft, conseguimos adicionar uma camada a mais de segurança, que é a principal preocupação do setor logístico. Com ela fazemos a identificação do motorista já no agendamento e verificamos se é mesmo ele que está fazendo o recolhimento da carga”, comenta Mews.

Para que isso aconteça, o próprio motorista faz uma atualização de seu cadastro na plataforma fazendo o upload de uma foto sua, uma da carteira de habilitação e outra na qual está segurando o documento ao lado do rosto. Assim, a IA compara as fotos e identifica se é, realmente, a mesma pessoa. No momento da entrega, o solicitante, a partir dessas imagens e da validação da IA, consegue identificar se é o mesmo motorista e concluir o processo de carregamento da carga no veículo. “A tecnologia beneficia não só a empresa que está contratando, bem como o próprio motorista, uma vez que os profissionais com as melhores notas no ranking da plataforma têm mais chances de serem chamados para novos trabalhos pelas mesmas transportadores ou por novos clientes”, complementa o CEO da Cargon.

Como próximos passos, a startup pretende permitir a confirmação de informações de placas dos veículos. Além disso, a Cargon tem projetos de inovações para endereçar soluções para outras demandas do mercado. “Já rodamos mais de R$ 250 milhões de fretes pela nossa plataforma em pouco menos de um ano de empresa. Com esse impulso, queremos continuar a criar inovações que melhorem as operações no transporte terrestre e incentivem o uso da tecnologia em todo o setor”, finaliza Mews.

Pin It
0
0
0
s2sdefault
powered by social2s

O que você achou? Comente