A Ferrovia Norte-Sul será contemplada pelo novo modelo de concessão lançado, no dia 13 último, pelo governo federal. O trecho entre Porto Nacional (TO) e Estrela D’Oeste (SP) está no escopo do Projeto Crescer, cujos objetivos são reformular o modelo de concessões no Brasil, fortalecer a segurança jurídica e a estabilidade regulatória e modernizar a governança. Na prática, o projeto gerará oportunidades de negócios e ajudará o Brasil a retomar o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB).

Serão investidos até R$ 17 bilhões para o término da construção e operação do trecho entre Porto Nacional (TO) e Estrela D’Oeste (SP) da Ferrovia Norte-Sul, que passa pelos estados de São Paulo, Minas Gerais, Goiás e Tocantins. O prazo de concessão será de 35 anos e a extensão do trecho a ser concedido é de 1.537 km. Vence o leilão o licitante que oferecer o maior valor de outorga. Estima-se que a concessão gerará 6.720 empregos diretos.

 

Pin It
0
0
0
s2smodern
powered by social2s