• A ótica do direito portuário está presente no WebSummit Porto Sustentável com a participação dos advogados especialistas Benjamin e Beatriz Gallotti, do Escritório Gallotti e Advogados Associados. Pelo fato de portos e terminais serem classificados como atividades modificadoras do meio ambiente, a exigência de licenciamentos e a fiscalização são temas bastante complexos para os investidores do setor. Entre os assuntos abordados no vídeo estão a insegurança jurídica no País e a assimetria concorrencial entre os portos públicos e os Terminais de Uso Privado (TUPs). "A assimetria concorrencial existe, mas foi criada pela própria administração pública. A solução do problema é facilitar a vida dos arrendatários e trazê-los o mais próximo possível do regime que regula os TUPs", opina Benjamin. 


     

    Conteúdos Relacionados

    * ADPF 139 - Supremo Tribunal Federal
    * Currículos dos profissionais do Escritório Gallotti e Advogados Associados
    * Inciso XII do Artigo 21 da Constituição Federal de 1988"
    * Payback, o que é"
    * ...

  • A entrevista com Luciano Pereira de Souza , abrindo o WebSummit Porto Sustentável, põe luz em três pontos importantes da sustentabilidade em nossos portos: planejamento, conflito legal e fiscalização.

  • Anualmente, a população mundial produz 1,4 bilhão de toneladas de resíduos sólidos urbanos (RSU), uma média de 1,2 kg por dia per capita. Nos últimos 30 anos, o aumento do volume de lixo produzido foi três vezes maior que o populacional.

  • Articulação institucional e instrumentos de planejamento e controle foram os principais temas abordados pelo superintendente de Desempenho, Desenvolvimento e Sustentabilidade da Antaq, Arthur Yamamoto, em participação no WebSummit Porto Sustentável. No vídeo, Yamamoto também destaca iniciativas de inovação, como o Índice de Desempenho Ambiental (IDA), que proporcionam um ambiente favorável a negócios mais sustentáveis, além do sistema de outorga eletrônica, cuja finalidade é dispensar o uso de papel e garantir maior agilidade nas operações.


     

    Conteúdos Relacionados

    * Descrição e relação dos Terminais de Uso Privado (TUPs) autorizados no Brasil
    * Planos de Desenvolvimento e Zoneamento (PDZs) dos portos públicos brasileiros
    * Porto de Santos é premiado com prêmio "Maior Evolução Anual do IDA"
    * ...

  • Nesta quinta-feira, 1º de agosto, às 14h, a 3ª Vara da Justiça Federal em Pernambuco (JFPE) realizará uma audiência pública para tratar do processo movido pelo Ministério Público Federal (MPF), que questiona as metodologias aplicadas pela Secretaria de Patrimônio da União (SPU)

  • O Brasil sediará, entre os dias 18 e 23 de março, a 8º Fórum Mundial da Água, grande evento sobre a sustentabilidade da água organizado pelo World Water Council (WWC, sigla em inglês para Conselho Mundial da Água).

  • O trânsito, principalmente das grandes cidades, tem grande influência na hora dos brasileiros escolherem o que e onde irão almoçar durante o intervalo do trabalho. Isso porque o deslocamento demanda tempo e a espera pela refeição também. O especialista da Valecard, Diego Batistela, gerente de produto benefício, comenta esse perfil e as principais escolhas.

  • O executivo garante que intervenções no Complexo, como o aprofundamento do canal de acesso - várias vezes criticado pela comunidade local -, recebem monitoramento ambiental, possibilitando as equipes realizarem medidas corretivas para evitar qualquer reflexo no meio ambiente

  • Até 2020, 44 práticas sustentáveis deverão ser introduzidas pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). A primeira delas será ainda em janeiro, com a adoção de uso de copos reutilizáveis – acrílico – em lugar de descartáveis.

  • Quando pensamos em maneiras de preservar o meio ambiente e ainda contribuir com o desenvolvimento social do Brasil, diversas iniciativas são discutidas. No entanto, uma atividade que merece atenção especial é o extrativismo sustentável...

  • Entre os dias 1º e 2 de agosto, acontece no Rio de Janeiro (RJ) a primeira jornada de imersão do OásisLab, iniciativa desenvolvida para fortalecer a segurança hídrica e a resiliência costeiro-marinha da Baía de Guanabara.

  • Aproxima-se o 8º Fórum Mundial da Água, que acontecerá em Brasília (DF) entre 18 e 23 de março, com expectativa de receber em torno de 45 mil pessoas de 100 países.

  • Uma das principais iniciativas e parte integrante da estratégia de Sustentabilidade da Santos Brasil, o Programa Frota Verde vem diminuindo a emissão de gases de efeito estufa no meio ambiente. Desde o final de 2014, a redução relativa (por quilômetro rodado dos veículos) foi de aproximadamente 11%.

    Nos últimos três anos, a Santos Brasil investiu R$ 21 milhões na modernização de sua frota, composta por 143 caminhões e 228 reboques, priorizando veículos mais eficientes, tanto operacional, quanto ambientalmente. O processo denominado “Compra Verde”, para aquisição de novos caminhões, prima pelos modelos dotados do sistema de pós-tratamento de gases com Redução Catalítica Seletiva (SCR), que segue normas do Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente).

    Atualmente, 90% da frota de caminhões usa o diesel S-10, que emite menos enxofre na atmosfera. Mais de 70% dos veículos da frota já atendem à norma Euro 5, que determina a redução de emissões de veículos a diesel.

    Além disso, a Santos Brasil incentiva os motoristas de sua frota própria a serem corresponsáveis pelo uso do combustível e pela diminuição da emissão de poluentes. Este controle ocorre mensalmente, por meio de monitoramento e divulgação da média de consumo de combustível de cada motorista.

    A iniciativa, conhecida internamente como “Motorista Sustentável”, reconhece os funcionários mais eficientes neste aspecto com uma bonificação financeira. “A média de Km rodado por litro vem melhorando mês a mês. No início do último semestre de 2015, por exemplo, foram 2,61 Km rodados a cada litro abastecido, contra 2,43 Km em janeiro, o que representa um ganho de eficiência de cerca de 7%”, explica o gerente executivo de transporte rodoviário da Santos Brasil, Wendell Fernandes.

    “Temos um compromisso com a sustentabilidade”, complementa a gerente executiva de Comunicação e Sustentabilidade da Santos Brasil, Raquel Ogando. “O desafio é fazer com que a gestão sustentável se traduza

    ...
  • Ao mesmo tempo que o mundo está cada vez mais poluído, há mais e mais pessoas se tornando conscientes da necessidade de viver uma vida mais ecológica e mais sustentável. Há vários hábitos que podem ser tomados para isso dentro e fora de casa

  • Em abril vai fazer três anos que ocorreu o incêndio no terminal da Ultracargo, o maior na história do Porto de Santos e que ainda não se apagou em muitas memórias, deixando marcas indeléveis na natureza e no social.

  • No total, a Infraero já recicla mais de 40 mil m³ de água por ano com soluções que fazem o uso racional de recursos hídricos, como aproveitamento de água de chuva, do sistema de ar condicionado, reúso de águas cinzas e o reaproveitamento da água dos testes diários dos Caminhões Contra Incêndio

  • A legitimidade do plano de Logística Sustentável, à sociedade refere-se à forma intencional de se determinar a responsabilidade ambiental civil das partes ao gestor da logística menos colaborativa aos acordos internacionais, em hipótese de danos ambientais, em anomalias geradoras de externalidades com efeitos deletérios ao meio ambiente

  • Nova arquitetura consegue unir economia e sustentabilidade, criando espaços diferentes e chamativos para um público que gosta de novidades

  • Quando a noite caiu sobre a cidade de São Paulo, às 3 da tarde, sendo uma de suas possíveis causas o encontro da frente fria com a fumaça das queimadas, muita gente se assustou com o que parecia um anúncio do fim dos tempos.

  • Legislações nacionais e internacionais já foram criadas para portos novos e existentes, englobando questões de sustentabilidade e criando normas cada vez mais rigorosas destinadas à criação de projetos que minimizem os impactos ambientais nas operações portuárias